// Coiococol: 24/01/16 - 31/01/16

sexta-feira, janeiro 29, 2016

Nutella caseira

Cá em casa adoramos nutella , mas costumo fazer uma "não-tella" :))
A minha "não-tella" é um bocadinho mais saudável e os miúdos matam o desejo do delicioso creme de avelã no pão ou às vezes para rechear algum bolo  . 
A preparação é muito fácil e rápida e minutos depois está pronta a ser " atacada ". 

Vão precisar de :
1 chávena de avelãs sem pele ( para lhes tirar a pele é só levar ao forno de descasca-las enquanto ainda estão quentes )
1/4 de chávena de cacau cru
2 colheres de sopa de margarina vegetal
4 colheres de sopa de bebida de soja
2 colheres de sopa de mel ou xarope de agave 
1/2 colher de chá de sal 
aroma de baunilha a gosto


Depois que retiraram a pele das avelãs , triturem-nas junto com o sal ( pode ser fino ou grosso ) até ficar um creme . Juntem os restantes ingredientes e triturem tudo . Faço na bimby , durante mais ou menos 5 minutos e baixando de vez em quando o que fica agarrado às paredes do copo , mas com qualquer misturadora dá para fazer .

Beijos, Carla 


quinta-feira, janeiro 28, 2016

Sabonetes de Alfazema

Estou a ter imenso prazer ao  dedicar-me ao mundo dos cosméticos naturais , comecei pelos sabonetes mas pretendo ir mais além . Já referi aqui no blogue que já fiz uma enorme experiência de formas , ingredientes e isso está a deixar-me com mais e mais vontade de ir experimentando e aperfeiçoando cada vez mais . 

Estes sabonetes são de alfazema ou lavanda como preferirem , a alfazema ajuda nos tratamentos de ansiedade , má digestão , cansaço , problemas de sono , má circulação , etc  . Têm a particularidade de servir também como esfoliante natural e deixam um cheirinho muito agradável .


Fiz umas embalagens bem catitas e românticas mas a principal preocupação era que  os sabonetes saíssem fácilmente para uma boa visualização e que depois disso continuassem protegidos . Claro que na casa de banho não terão o papel em volta , mas achei que assim também ficariam atraentes à primeira vista e excelentes para uma oferta :)





Beijos, Carla 





terça-feira, janeiro 26, 2016

As cartas que podíamos trocar


Às vezes escrevo-te cartas mentais , 
conto-te que o Rodrigo é timido mas adora provocar o irmão, que como mais velho quer definir já a sua posição e dar-lhe ordens - o pequeno pouco lhe obedece e ri descaradamente - tu sabes  !  
No outro dia  falou-me de ti e perguntou se virias vê-lo se estivesses por cá, disse que adorava que viessem ao encontro dele ,  este menino é danado para as lamechices e tinha que sair à mãe . Que o David , aquele cavalinho bravo em forma de gente pequenina ferve em pouca água e depois transforma-se num doce quando enrola os seus braços no meu pescoço . Dizem que vai despedaçar muitos corações femininos , sabe o que diz e fá-lo na hora certa . Ah , e sabes  , ele já não tem medo da tua fotografia que está à entrada de casa , diz agora que pareço eu , acreditas ? 

Escrevo-te e depois imagino-me sentada nos degraus frios das escadas em frente à porta à espera que o carteiro chegue e me traga a tua resposta . Imagino sempre que és rápida a escrever , que não me queres fazer esperar por noticias tuas e que também tu estás cheia de saudades e cheia de noticias para me dar . 
Imagino uma carta florida com folhas perfumadas , a caligrafia muito certinha e com uma ou outra fotografia tua .
No outro dia ía jurar que eras tu que me entravas em casa com os sapatos de salto alto como tanto gostavas , ouvi o toc toc toc dos teus passos e virei-me depressa a acreditar que vinhas lá . Nem imaginas o meu sorriso e o pulo que o meu coração deu enquanto me voltava para trás   , mas tu não estavas !
Ía aproveitar para te dizer que tenho muitas saudades tuas , que o tempo passa mas não te apaga das minhas recordações , 
que queria apenas um beijinho teu ... ou dois , ou quem sabe se pudesses mesmo  ficar .

Da tua filha, 
Carla . 

segunda-feira, janeiro 25, 2016

Charming foxes

O fim de semana passou a correr , já se sabe que é assim - ainda por cima fomos premiados com um fim de semana cheio de sol e que deu para passear e aproveitar bem fora de casa  já que os miúdos andavam sedentos de passeios ao ar livre  e sem chuva :))

Mas hoje mostro-vos o resultado de trabalhos de semanas anteriores , duas raposas encantadoras numa linda sessão fotográfica . 
Elas portaram-se lindamente e eu consegui captar aquilo a que me propunha , 
lá estavam elas serenas e cúmplices uma da outra como se de mãe e filha se tratassem já que serão para uma mãe oferecer à sua filha por todo o amor e dedicação que esta tem tido para com ela num  momento mais triste e dificil da sua vida . 
Agradecer por ter alguém que lhe deu banho e levou comida à boca . Agradecer por ter alguém que lhe cortou as unhas e lavou os dentes . Agradecer porque não esteve sempre deitada numa cama e pôde ver a luz do sol . Agradecer por não ter deixado o Fonfon - o gatinho amarelo que se roça nas pernas de quem lá aparece  - morrer de fome e de sede .
Agradecer por ter  tido companhia .

   E eu pergunto-me porque será que nem   sempre é assim ?
Porque será que muitas vezes depois de nos tornarmos adultos nem sempre valorizamos quem cuidou de nós , quem nos amou e quem nos deu à luz ? Existe algum botão que nos transforma e nos amarga com o passar dos anos que nos leva a esquecer um pai ou uma mãe ?
Quero acreditar que não , quero acreditar que todos somos capazes de amar e de cuidar . Todos . Mesmo aqueles que por alguma razão não receberam tanto amor .







Beijos , Carla